CERVIGLAS E TUROMAS, uma relação que vai além do corte de vidro.

#TuromasInTheWorld​

"Nos anos 80, comprámos uma das primeiras máquinas de corte de vidro fabricadas por Miguel Tomás. Desde então, construímos uma relação muito forte, tanto a nível profissional, como pessoal".

Vicente Cervera, presidente de Cerviglas

Entrevista com Vicente Cervera, presidente de Cerviglas

Reproduzir vídeo

O Grupo Cerviglas,fundado em 1980 em Turís, Valência, dá vida ao vidro há mais de 40 anos. Esta longa trajetória, combinada com a experiência, a inovação tecnológica e a capacidade de antecipar as exigências do mercado, posicionou esta empresa valenciana como líder do mercado nacional na conceção e desenvolvimento de projetos de vanguarda.

Conta, atualmente, com uma equipa de mais de 130 pessoas e uma área de produção de 70.000 m2, onde se realizam todos os processos de conceção, transformação e produção em vidro.

CERVIGLAS (Turis, Valencia)

Renovação da frota de maquinaria de corte.

No seu compromisso de diferenciação e qualidade, a CERVIGLAS mantém uma política de constante investimento em tecnologias de produção. Por esta razão, em 2019, iniciou um processo de renovação de todas as linhas de corte de vidro, tanto de vidro monolítico como laminado.

"Em 2019, começámos a substituir todas as máquinas de corte, que já eram da marca TUROMAS, pelos novos modelos do fabricante".

Vicente Cervera, presidente de Cerviglas

O processo culminou no passado mês de fevereiro com a instalação da última das 4 linhas de corte adquiridas. O novo parque de máquinas tem a seguinte composição:

Linha de corte de vidro monolítico jumbo RUBI 516C. Especialmente desenhada para trabalhar como parte de uma linha de corte automática, a sua tecnologia de motores lineares garante um desempenho e qualidade sem precedentes em qualquer tipo de corte.

Mesa de corte para vidro laminado LAM 304. Mesa semiautomática para cortar vidro laminado de até 3700 mm e espessuras de 10+10 mm. Incorpora uma lâmpada de quartzo ultrarrápida, dispositivos de vácuo para a fixação e esticamento do vidro pela parte inferior e lâmina, permitindo assim o processamento de vidros Low-E com total segurança.

Duas linhas de corte automático para vidro laminado LAM 505SXR e LAM 506SXR. Ambas as linhas estão projetadas para empresas que requerem a máxima produtividade e automatização. Permitem posicionar, rodar, decapar e cortar e separar vidro de até 12 + 12 mm, mesmo em vidros com butiral de alta dureza e rigidez.

O corte útil das linhas LAM 505SXR e LAM 506SXR é de 4700 mm e 6000 mm, respetivamente.

Em suma, quatro máquinas de corte que integram as últimas inovações e desenvolvimentos tecnológicos e que permitirão à CERVIGLAS atender e responder às elevadas exigências de qualidade e produtividade dos seus clientes.

Nuevas líneas de corte RUBI 516C, LAM 304, LAM505SXR para 4700 mm y LAM506SXR para 6000 mm de TUROMAS

TUROMAS Y CERVIGLAS

A relação entre a CERVIGLAS e a TUROMAS tem uma longa trajetória. Começou nos anos 80, com a compra de uma das primeiras máquinas fabricadas por Miguel Tomás, fundador da TUROMAS. Desde então, a confiança depositada pelo grupo na marca e no equipamento TUROMAS tem sido total.

Antonio Ortega, Director Geral TUROMAS; Alvaro Tomás, Vice-Presidente TUROMAS; Miguel Tomás, Presidente TUROMAS; Carles Almela, Gestor de Processos Cerviglas, David Cervera, Controlador Financeiro Cerviglas, Vicente Cervera, Presidente Cerviglas; Javier Cervera, Director Adjunto Cerviglas.

"A TUROMAS tem serviço, qualidade e eficiência. Oferece uma rentabilidade indiscutível. Não creio que haja outros fabricantes no mercado que os possam superar".

Vicente Cervera, presidente de Cerviglas

Todas e cada uma das mesas de corte que passaram pelas instalações da Cerviglas nestes 40 anos de história têm sido exclusivas da marca TUROMAS. No total, cerca de 20 equipamentos de corte que têm acompanhado o fabricante valenciano no seu contínuo processo de evolução.

Um processo de crescimento em que ambas as empresas têm andado de mãos dadas, tornando-se parceiros tecnológicos que partilham experiências e conhecimentos para enfrentar novos desenvolvimentos e projetos para o futuro.

A Cerviglas oferece projetos à medida para todo o tipo de construções, tanto grandes projetos arquitetónicos como espaços interiores, dando prioridade à qualidade, segurança, estética e conforto.

Entre os seus últimos projetos encontram-se o Complexo Administrativo 9 d’octubre (Valência, Espanha), a sede da EDEM Escola de Negócios e o Edifício Empreendedores LANZADERA, desenhado por Juan Añón, o novo hospital de La Fé (Valência, Espanha), de Ramón Esteve e Alfonso Casares ou o conjunto da Cidade das Artes e das Ciências em Valência, desenhado por Santiago Calatrava.

SHARE

Share on facebook
Comparte
Share on twitter
Tweet
Share on linkedin
Comparte
Share on whatsapp
Comparte
Eu gostaria de receber as últimas notícias da Turomas Eu gostaria de receber as últimas notícias da Turomas